segunda-feira, 23 de abril de 2012

Cantos de brincadeiras na sala de aula

"A brincadeira é a maior expressão do desenvolvimento humano na infância, pois é a expressão livre do que vai na alma da criança."
Friedrich Froebel

Estamos construindo nossos cantinhos.
São cantinhos com diferentes objetos motivadores, como brinquedos e outros materiais quem ofereçam diversas experiências e possibilidades.

O que as crianças podem aprender:

Com essa modalidade de organização garantimos que as crianças possam vivenciar diferentes situações de aprendizagem, escolhendo, exercitando a autonomia e buscando conhecer as próprias necessidades, preferências e desejos ligados à construção de conhecimento e relacionamento interpessoal. É importante que esse tipo de organização favoreça o acesso aos mais variados bens culturais como os proporcionados pela produção literária e comunicação e pela produção artística.
Essa proposta tem função decisiva na formação pessoal e social e na construção da autonomia da criança, uma vez que prescinde de um controle direto do/a professor/a. Por outro lado, permite que ele observe mais atentamente os problemas enfrentados pelas crianças, suas dificuldades, aprendizagens, gostos e interesses, o que muito o auxiliará em seu replanejamento.

Objetivos didáticos:(ou o que o professor espera que as crianças aprendam)

· escolher com autonomia tendo suas decisões respeitadas e apoiadas pelos adultos;
· realizar ações sozinhas ou com pouca ajuda do adulto e de outros parceiros;
· valorizar ações de cooperação e solidariedade, desenvolvendo atitudes de ajuda e colaboração e compartilhando suas vivências;
· relacionar-se com os outros, adultos e crianças, demonstrando suas necessidades, interesses, gostos e preferências.

Conteúdos:
· participação em situações de brincadeiras e jogos nas quais pode escolher parceiros, e outros recursos;
· participação em situações que envolvam a combinação de algumas regras de convivência em grupo e aquelas referentes ao uso dos materiais e do espaço, quando isso for pertinente;
· valorização dos cuidados com os materiais de uso individual e coletivo;
Iniciando os cantinhos...
...outros virão
 Nosso cantinho da leitura
A literatura infantil contribui para o crescimento cognitivo e para o auto-conhecimento da criança, propiciando ao aluno, a encontrar outras idéias para solucionar questões, esclarecendo melhor suas próprias dificuldades, despertando a criatividade, a criticidade e a autonomia.

 Cantinho da casinha                           Mercadinho

Brincando, nossos alunos recriam o mundo, não para mudá-lo, mas simplesmente para compreendê-lo. Quando eles brincam, muitas coisas acontecem, pois eles mergulham no mundo mágico da infância, onde tem o poder de revelar suas visões de mundo, suas descobertas, seus encantamentos, sua alegria, além, é claro, de compartilhar ideias e sentimentos, pelo simples prazer e vontade de experimentar. Descobrem quais são seus limites, suas potencialidades, exercitando a autonomia e a identidade, pois terão que analisar as situações apresentadas nos jogos e nas brincadeiras e fazer as escolhas.
Cantinho da oficina
           Através do brincar eles tem mais espaço para a vida afetiva, aprendem a socializar, e maior possibilidade de desenvolver sua capacidade de concentrar sua atenção, ao mesmo tempo em que nutrem sua vida interior. A criança explora seus sentimentos, tenta compreender o desconhecido, por isso ela precisa brincar para se sentir segura.
 Tule e bambolê de fitas

Interagir com outras crianças e adultos, pesquisar diferentes sons e efeitos visuais com o uso de transparências, cores e texturas, trabalhar o controle motor e limites corporais em espaço pequeno, e se movimentar e se adequar a um espaço que muda de forma quando manipulado.
Tiras de TNT em um bambolê, formando um círculo de caimento vertical com diversas aberturas por toda a circunferência. O tule é transparente e leve, facilita a manipulação das crianças sem a ajuda do adulto. Já o papel celofane produz um efeito visual de transformação das cores do ambiente e diferentes sons ao ser manipulado.
Cantinho com sofá e espelho
Cantinhos possíveis:
- Leitura
- Beleza
- Casinha
- Mercadinho
- Artes
- Música
- Fantasia
- Oficina

O uso do lúdico na educação prevê principalmente a utilização de metodologias agradáveis e adequadas às crianças, que façam com que o aprendizado aconteça dentro do seu mundo, das coisas que lhes são importantes e naturais de se fazer, que respeitam as características próprias das crianças, seus interesses e esquemas de raciocínio próprio (DOHME, apud Schultz, Muller e Domingues, 2006:4).


10 comentários:

Anônimo disse...

Amei!

Anônimo disse...

Parabéns pela criatividade

Vanessa M. disse...

adorei o post, parabéns pelo trabalho!

Gislene Gonçalves da Silva disse...

Adorei seu blog! Gostaria de compartilhá-lo no face! Posso? E como faço? Não vi nenhum link nele.
Parabéns pelo trabalho.

Gislene Gonçalves da Silva disse...

achei querida! E já compartilhei para que minhas colegas de trabalho possam visitá-lo tbm! Bjs

Pati Fontoura disse...

Querida Deisi, trabalho na rede municipal de Esteio também...
Trabalhei por 10 anos na Pedacinho e hoje estou na SIbila...
Sempre tive Jardim, estou meio atrapalhada para trabalhar com os miudinhos...
Suguei muitas das suas informações, obrigada!!!!
Pati Fontoura

Paula Lima disse...

adorei suas atividades, muito rica.

Paula Lima disse...

adorei suas atividades, muito rica.

Anônimo disse...

ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

Anônimo disse...

AMEIIIIIIIIIIIIIIIIIIII

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...